Férias em Cuba – um país colorido e cheio de contrastes

 

Já fazia algum tempo que queria ir à Cuba. E acabou que conseguimos tirar 2 semanas, em Maio, e embarcamos para o país do Mojito e do Daiquiri.

Quem acompanha o blog, sabe que adoramos destinos inusitados e antes de viajar pesquiso bastante. Então, já sabia o que nos esperava.

Embora seja muito mais fácil visitar Cuba hoje do que era há uns anos atras, o turista que vai à ilha ainda precisa se preparar para enfrentar uma série de limitações. É quase impossível usar cartão de crédito para fazer pagamentos. Apesar da simplicidade do país, Cuba é uma viagem cara. O acesso à internet ainda é bastante complicado. Só é permitido fazer câmbio em determinadas moedas (se você está se perguntando qual é a melhor moeda para levar para Cuba, meu conselho é: leve euros ou dólar canadense, já que dólares americanos são taxados em 10% no câmbio). Não se encontra produtos básicos de higiene nos mercados (então, meu conselho: leve desodorante, shampoo, repelente, protetor solar, pasta de dente…). Alugar carro para viajar é um teste de paciência com sorte.  Google maps só offline…rs.

Mas, apesar de todos esses poréns… Visitar Cuba é uma chance única de conhecer um país que parou no tempo, onde não há consumismo,  megacidades, poluição ou ate mesmo uma população viciada e dependente de internet. Daqui a poucos anos, é bem provável que Cuba seja mais uma ilha do Caribe, cheia de turistas, resorts all inclusives e mega shoppings.

Havana encanta pelas cores e pela estética, porém é uma cidade bastante suja. Os cubanos vivem com muito pouco, são privados de qualquer luxo e conforto. Mas, são muito alegres e solícitos.

Apesar de ser um país extremamente seguro, os homens, em geral, são bem machistas e assediam sem nenhum pudor. E olha que eu estava acompanhada, sempre com o meu marido, e eles olhavam descaradamente. Imagino, que para mulheres sozinhas, deve ser bem chato!

Ah, como disse acima, prepare-se para fazer um detox de internet! Em Cuba você adquire cartões, de 1 hora, para usar em determinados locais. Saiu dali, acabou a internet. Nos hotéis, você consegue acessar a internet apenas no lobby e na piscina. Isso quando consegue, pois a internet cai toda hora e é super lenta. Então, desapegue de instagram e, principalmente, stories.  😉

Nosso roteiro fugiu do “clichezão” Havana e Varadero, pois todos nos disseram que Varadero é bem turístico e tem a pegada parecida com Cancun. Então, decidimos conhecer as praias de Cayo Guillermo e, Playa Pilar, eleita como uma das praias mais bonitas do Caribe. E foi uma escolha mais que acertada!! E no meio do caminho fizemos uma parada estratégica em Cienfuegos.

Queríamos um roteiro pra conhecer as cidades com calma e não ficar pulando de cidade em cidade, pra dizer que conheceu tudo, mas não viveu, não experimentou nada. Definitivamente, essa não é a nossa!! Gostamos de estabelecer uma relação com a cidade, conhecer a culinária, o povo, entender a cultura… E isso só é possível com um tempo maior em cada lugar. Claro, que esse tempo é relativo, devido ao tamanho e complexidade da cidade visitada.

Bom, é isso… nos próximos posts vou contar um pouco mais de Havana, capital de Cuba, (principais curiosidades, perrengues, dificuldades, algumas coisas que não encontrei em blog/site nenhum, falar dos nossos restaurantes preferidos), e claro das praias incríveis e pouco conhecidas de Cayo Guilermo e Playa Pilar.

Espero que gostem e se animem para visitar a ilha do Fidel! 😉

Bacione,

Paty.

Ah, e se esse post foi útil pra você, deixa um comentário. Vou adorar!! 😉

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s